Aproveite a quarentena e doe para o Amiga Recicla

Projeto arrecada roupas íntimas usadas e repassa para famílias carentes


Por: Eliana Sonja
Data: 9 de abril de 2020
img

Neste período de quarentena forçada, muita gente está aproveitando para fazer aquela faxina em casa.  Armários de cozinha, despensas e guarda-roupas nunca estiveram tão limpos e organizados. Assim, muitos objetos e roupas que não são mais aproveitáveis estão indo para o lixo ou para a doação.

Pois bem, entre essas peças estão as roupas íntimas usadas, que muita gente não sabe se doa, se joga fora ou se deixa acumular. Mas uma excelente opção é repassá-las para o Projeto Socioambiental Amiga Recicla. Lançado pela Ouseuse, o projeto consiste em arrecadar calcinhas e sutiãs usados, higienizá-los corretamente e depois repassar a famílias carentes. E mais: além de ajudar o meio ambiente, pois as peças não terão o lixão como destino.

7 mil peças doadas

“Desde que foi criado, já arrecadamos e doamos mais de sete mil peças. E, com a quarentena, estamos incentivando para que elas separem essas peças e nos envie. Temos parcerias com projetos sociais que fazem a doação a quem realmente está precisando. Com essa situação do coronavírus, é importante que as pessoas cuidem da saúde, mas também se preocupem com o próximo”, comenta Rosana Marques, diretora executiva da Ouseuse.

Rosana ressalta que muitas pessoas ficam inseguras quanto ao que fazer com peças íntimas usadas. “Muita gente acha que não devem ser doadas e outras que não podem ir para o lixo e, no final, acabam entulhando essas peças nos guarda-roupas. Mas digo que o ideal é doar para o Amiga Recicla, pois assim repassamos para quem precisa (com toda a higienização) e, ao mesmo tempo, ajudamos o meio ambiente”.

Como doar

“Arrumei o guarda-roupa e já separei as peças para doar. Como faço agora?” Rosana explica que é fácil. Basta enviar pelo Correios para o endereço Rua Ana Vitória, 283, Centro, Cep. 37805-000, Juruaia, MG, aos cuidados do Projeto Social Amiga Recicla. “As pessoas que estão seguras em casa devem sempre se lembrar de que há muitas pessoas carentes no Brasil. Esperamos ajuda de todo o Brasil”, finaliza Rosana.

Saiba mais em ouseuse.com.br/amigarecicla

 

 

 

 

 

 

 

Conta pra gente o que você achou!